Institucional  Notícias  Artigos  Membros  Quarta-Feira, 26 de Abril
IPTS > Notícias > O futuro do Macintosh
« Voltar



O futuro do Macintosh
Apple está segura da mudança de chips
17/07/2005

A Apple não teria optado por mudar para a Intel se não estivesse convencida de que seus chips têm futuro, escreve Jon Jacobi para o Macworld. "Qualquer que tenha sido a verdadeira razão — desempenho por watt, como disse Steve Jobs, ou alguma das explicações mais complexas que têm circulado on-line — a Apple só teria dado tal passo se fizesse sentido", diz Jacobi. Segundo ele, os planos da Intel para seus processadores podem ser resumidos na expressão "Mais e Menores". Neste caso, "Mais" significa multi-núcleo — algo como os PowerPC G5 de núcleo duplo em uma única base de silício. A Intel estima que 70% de seus processadores da família Pentium, tanto para desktops quanto para laptops, serão multi-núcleo no próximo ano.

O "Menores" quer dizer que a empresa está avançando para chips com 65 nanômetros em lugar dos atuais 90 nm, significando mais chips por peça de silício — ou seja, menores preços e maiores velocidades.

O Pentium M, desenvolvido para produtos portáteis, será suplantado por um modelo de 65 nm e núcleo duplo de codinome Yonah. Uma vez que tanto o Pentium M quanto o Yonah são de 32 bits, ele provavelmente será mais uma iteração antes de vermos um laptop Mactel de 64 bits.

A Intel é projetista e fornecedora de seus próprios chipsets — chips auxiliares que coordenam a comunicação entre o processador, memórias e periféricos. Os chipsets Pentium mais recentes incluem o 915, 925, 945 e 955, que suportam PCI Express, DDR2 e memória principal de até 4 GB com bus front-side rodanto entre 500 MHz e 1,06 GHz. Várias das numerosas encarnações também suportam DDRs mais antigos, mas a Intel fez o upgrade bem mais cedo que o resto da indústria — cedo demais, dizem alguns — e não parece que voltará atrás. A série 9xx deve ser o chipset escolhido pela Intel para o futuro visível; no entanto, um novo chipset para dispositivos móveis de codinome Calistoga está sendo desenvolvido para acompanhar o novo processador Yonah.

As informações reveladas pela Intel sobre suas CPUs e chipsets não vão além de 2006. A introdução de chips que interpretam extensões de instruções de 64 bits EM-64T, multi-núcleo, PCI Express e DDR2 são muito recentes e, por isso, não se deve esperar por nenhum retumbante anúncio de novidades por parte da Intel por pelo menos um ou dois anos — a menos, claro, que isso envolva a rival AMD.

Fonte: MacPress

Apple
www.apple.com.br
Tel.: 0800-127-753

Publicado em 17/07/05




 
Pesquisar


Web Este site
Google
      


DABRA

« Voltar


Imprimir esta Página
Imprimir

Enviar esta Página a um amigo
Enviar a um Amigo
   

© Copyright Grafyarte by Joao Martins, 2002 - 2014. Condições legais de Utilização

 
591 visitantes online.